Você viu? Estupro durante parto, petista morto por bolsonarista, PEC Kamikaze aprovada e imagens do universo reveladas por telescópio | Mundo


Médico preso após estupro em parto, assassinato de petista durante festa de aniversário, PEC Kamikaze e LDO aprovadas no Congresso, imagens impressionantes do universo captadas por um telescópio e como sair do superendividamento.

📩 Newsletter: receba um resumo de notícias do dia no seu e-mail

Anestesista preso por estupro

Médico anestesista Giovanni Bezerra é preso por estupro de grávida, durante o parto. — Foto: REGINALDO PIMENTA/AGÊNCIA O DIA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

O anestesista Giovanni Quintella, de 31 anos, foi preso em flagrante após estuprar uma mulher grávida durante uma cesariana em um hospital no Rio de Janeiro. As imagens de uma câmera escondida registraram o momento em que ele coloca o pênis na boca da vítima durante o parto.

O flagrante foi feito após mulheres da equipe de enfermagem suspeitarem do comportamento do médico durante as cirurgias. Giovanni foi surpreendido e preso pela Polícia Civil durante um plantão e levado para o complexo penitenciário de Bangu, na Zona Oeste da Capital Fluminense.

O petista Marcelo Arruda (esq.) foi morto por Jorge Guaranho (dir.), apoiador de Bolsonaro — Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Paraná anunciou que Jorge Guaranho, o bolsonarista que matou Marcelo Arruda, tesoureiro do PT em Foz do Iguaçu, vai responder por homicídio qualificado por motivo torpe. A polícia concluiu que não houve motivação política no assassinato.

O crime aconteceu no sábado (9), quando Marcelo Arruda, de 50 anos, foi morto a tiros na própria festa de aniversário, que tinha como tema o Partido dos Trabalhadores (PT) e o ex-presidente Lula. A delegada Camila Cecconello afirmou que Guaranho atirou contra Marcelo por ter se sentindo ofendido, já que o petista jogou um punhado de terra e pedra contra o carro dele, após provocação política.

Ao blog da Andréia Sadi no g1, o advogado da família de Marcelo Arruda, Ian Vargas, falou com exclusividade sobre as conclusões do inquérito. A defesa e a família repudiam o indiciamento do policial penal Jorge José da Rocha Guaranho, que baleou e matou Marcelo, por crime que não seja político.

“A defesa entende que houve motivação política, crime de ódio. Até os familiares do acusado relataram que ele chegou gritando [contra Lula e a favor de Bolsonaro]”, disse Vargas.

Primeira imagem científica feita pelo James Webb mostra registro inédito do Universo. — Foto: NASA

Foi divulgada esta semana a imagem infravermelha mais nítida e mais profunda que já existiu do Universo. O registro foi realizado pelo maior telescópio espacial já lançado pela Ciência, o James Webb. Com custo de US$ 10 bilhões, a ferramenta vai complementar o Hubble, telescópio que está há 31 anos em órbita.

As imagens revelam duas nebulosas: Nebulosa do Anel Sul e Nebulosa de Carina; um grupo de cinco de galáxias a cerca de 290 milhões de anos-luz de distância: o Quinteto de Stephan e um aglomerado de galáxias. Essas descobertas vão permitir que os astrônomos enxerguem coisas no Universo que eles não conseguiam ver antes – como as primeiras galáxias que surgiram nele.

  • Veja Júpiter: foto impressionante quase passa despercebida
  • Infográficos: entenda o que as fotos do supertelescópio revelam

PEC Kamikaze e LDO aprovadas

Entenda o que é a PEC Kamikaze

R$ 213 bilhões: este é o somatório do impacto nas contas públicas das cinco mudanças promovidas no teto de gastos do governo federal desde 2019. A quinta alteração foi autorizada nesta semana pelo Congresso com a conclusão da votação da proposta apelidada “PEC Kamikaze”. Sozinha, ela acrescenta custo de R$ 41,2 bilhões. A três meses das eleições, o texto vai permitir que o governo conceda uma série de benefícios sociais somente até o fim deste ano (entenda aqui as medidas aprovadas na PEC).

Outra polêmica que os parlamentares aprovaram foi o texto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). A proposta não incluiu o pagamento obrigatório do chamado “orçamento secreto” (entenda aqui), mas aumentou o poder da Câmara nas indicações para a aplicação desses recursos. Para parlamentares e técnicos do Congresso, na prática, a mudança amplia a influência do presidente da Casa, Arhur Lira (PP-AL), aliado do presidente Bolsonaro, sobre as emendas de relator.

➡️ PLACAR: Veja como cada deputado votou a PEC Kamikaze
➡️ OUÇA PODCAST: Como Arthur Lira pavimentou ascensão e controle da Câmara com orçamento secreto

Como se livrar do superendividamento

Como funcionam as negociações de dívidas gigantes — Foto: Wagner Magalhães/g1

Credores que fazem uma dívida multiplicar 10 vezes seu valor por meio de juros compostos, taxas embutidas e renegociações. Tudo isso feito de maneira legal, segundo um especialista, e, geralmente, em um cenário de evento adverso para o endividado, como perda de emprego, problema de saúde ou mesmo uma separação. Assim costuma ocorrer o superendividamento, quando uma pessoa fica impossibilitada de pagar suas dívidas de consumo sem comprometer sua sobrevivência.

Mesmo com valores que parecem impossíveis de se pagar, há casos em que, com a ajuda do Procon e de advogados para processos judiciais, acordos podem ser feitos. Foi o que ocorreu com a mulher que, depois de um ano e meio de muita conversa, conseguiu diminuir sua dívida em 95%, passando o valor de R$ 900 mil para R$ 40 mil. Leia a reportagem completa para entender como sair do sufoco.



Source link

Deixe o seu comentário


O seu endereço de email não será publicado.